Christina Warinner: Desmistificando a dieta paleolítica

A dieta do Paleolítico ou paleodieta assenta na premissa de que a dieta ideal do ser humano será a dos nossos antepassados do período Paleolítico. Existem várias variantes popularizadas em livros e na internet mas, tipicamente, a dieta baseia-se no consumo de alimentos a que os caçadores-recolectores supostamente teriam acesso, evitando-se os alimentos que começaram a ser produzidos com o início da agricultura. Certos aspectos da dieta, como a exclusão de açúcares simples e gorduras trans, podem traduzir-se realmente em benefícios para a saúde. Contudo, fazem também parte desta dieta outras alegações de nutrição, saúde e biologia evolutiva com pouco ou nenhum suporte científico.

O que se comia realmente durante o Paleolítico? Existia uma única dieta humana nesse período? Será sequer possível fazer uma alimentação idêntica à dos nossos antepassados? Quanto da moda actual da paleodieta se baseia na verdadeira dieta Paleolítica? A resposta, segundo Christina, será muito pouco. (Legendas disponíveis em inglês)

Christina Warinner doutorou-se na Universidade de Harvard em 2010 especializando-se na análise de DNA antigo e reconstrução da dieta Paleolítica. Já fez parte de escavações um pouco por todo o mundo, desde a selva Maia de Belize até aos Himalaias no Nepal. Actualmente participa na investigação biomolecular de cálculos dentais (tártaro) como forma de estudar a saúde e dieta humana do passado.

Informação complementar:
A dieta da caverna – Artigo da revista Super Interessante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: