E vai mais um ano, parabéns a nós.

“Parece que foi ontem que começámos esta aventura”. Podia começar assim, mas estaria a mentir. A verdade é que tendo em consideração as actividades que a COMCEPT já organizou fico com a sensação que já lá vai uma dezena de anos quando na realidade “só” passaram 4.

4º Aniversário COMCEPT (1000x400)

Quatro anos e quatro ComceptCons, a nossa conferência anual que nos dá tanto gosto como trabalho a organizar. Este ano fomos mais uma vez ao Porto, desta vez para assistir a um conjunto de palestras sob o tema “negacionismo” e cujos vídeos vos convido a ver/rever aqui, aqui, aqui, aqui e ainda aqui.

Quatro anos e duas conferências do solstício de Inverno, a nossa comemoração de umas das datas mais importantes do calendário. Tão importante que várias religiões colocaram os seus deuses a nascer nela.

Durante o último ano tivemos cinco “Cépticos com Vox” os nossos encontros light, distribuímos pela terceira vez os prémios “Unicórnio Voador”, começamos uma nova iniciativa, os “Cépticos no Museu” já com visitas ao Museu Maçónico  e ao Museu Nacional da Imprensa e ainda  tivemos tempo para criar a nossa newsletter sarcástica, a “PetaNews – o jornalismo alternativo e complementar “, um mimo criado pela mão do nosso cientista sentado, o Marco Filipe.

Neste ano também assistimos ao nascimento do European Skeptics Podcast, um projecto que temos seguido com grande interesse e no qual a Diana Barbosa já foi entrevistada.

O movimento céptico está vivo e recomenda-se. Que novos projectos nos reserva o futuro?

E por falar em futuro, não há aniversário sem festa e no próximo dia 16 do corrente vamos tratar desse assunto com uma visita ao Museu do Aljube – Resistência e Liberdade e para terminar o dia temos uma jantarada (pormenores a divulgar breve, breve).

Olhando para trás e para o trabalho realizado, pergunto-me como se explica as horas, as dores de cabeça e até o dinheiro que investimos nesta luta sem fim em prol da ciência e de uma sociedade mais informada? Como se explica a ânsia de conhecimento que há em nós e que só tem paralelo na nossa necessidade de partilhar esse conhecimento? Acho que não se explica, só se sente.

Parabéns a todos nós (sim, falo de vocês também) que lutamos por fazer do mundo um lugar mais honesto.

 

********

Actualização:

Sobre a visita ao Museu do Aljube.

Sobre a festa de aniversário.

4 Responstas a “E vai mais um ano, parabéns a nós.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

%d bloggers like this: