Doentes que se auto-diagnosticam na Internet com prioridade nas urgências

PetaNews_banner3

google-485611_1280 À semelhança dos doentes encaminhados para os hospitais pelos centros de saúde e pela Linha Saúde 24, os doentes que fazem o auto-diagnóstico através de pesquisas na Internet passam também a ter prioridade nas urgências. Segundo o despacho a que a PetaNews teve acesso, a medida irá ainda contemplar a isenção total das taxas moderadoras.

Os doentes encaminhados pelo Dr. Google passam a receber uma pulseira de cor índigo à chegada às urgências, o que os dispensa de uma avaliação médica convencional. “Todos nós recebemos a notícia com grande satisfação”, comentou Joaquim Duarte, especialista em medicina interna, “depois de anos a estudar Medicina, não há maior alegria do que aquela de atender um paciente que já traz o diagnóstico feito por ele próprio”.

O Governo espera ainda que esta medida torne mais expedito o diagnóstico de algumas doenças. Tumores cerebrais, autismo causado por vacinas e sensibilidade às radiações electromagnéticas, estão entre as doenças mais facilmente detectáveis por diagnósticos na Internet. Adicionalmente, a dispensa da realização de meios complementares de diagnóstico pode traduzir-se em poupanças avultadas para o Serviço Nacional de Saúde.

Aviso: Esta é uma notícia satírica com fins puramente humorísticos. Nenhum dos factos descritos deve ser interpretado como real.
Reportagem especial de férias (2016)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: