Máquina da Verdade sabotada por bruxaria

Aviso: Esta é uma notícia satírica com fins puramente humorísticos. Nenhum dos factos descritos deve ser interpretado como real.

PetaNews_banner3

 

Crédito: Vibragiel/visualhunt
Crédito: Vibragiel/visualhunt

A TVI acaba de anunciar o fim da popular rubrica “A Máquina da Verdade” do programa “A Tarde é Sua”, apresentado de segunda à sexta por Fátima Lopes. O polígrafo utilizado no programa terá ficado danificado depois de ter sido alvo de um mau-olhado lançado por uma mulher acusada de bruxaria pelos vizinhos.

“É uma tragédia”, afirma Fátima Lopes, “agora onde é que os portugueses vão esclarecer as alegações de furto? Nos tribunais?!”. Segundo fontes próximas, a máquina embruxada apenas consegue detectar mentiras em casos que não tragam consequências legais à TVI ou ao operador da máquina, o que torna o dispositivo completamente inútil.

Apesar da decisão, a TVI promete continuar a analisar as alegações de bruxaria na nova rubrica “O Mergulho da Verdade”. “Vamos realizar o tradicional teste da água no rio Tejo”, disse Rosa Cullel, CEO da Media Capital, “se a acusada flutuar é porque é bruxa, se morrer afogada é porque é inocente”.

Aviso: Esta é uma notícia satírica com fins puramente humorísticos. Nenhum dos factos descritos deve ser interpretado como real.

Artigo publicado na eComcept no dia 16 de Outubro de 2017
Outros artigos
“Sem Limites” ou “Com Mazelas”?
João L. Monteiro
Cépticos no Museu… e Jardim
D. Barbosa
Nomeações para o Prémio Unicórnio Voador 2022
Comcept