Prémio Unicórnio Voador 2014

O Unicórnio Voador. Crédito: Cláudia Barrocas

O Unicórnio Voador. Crédito: Cláudia Barrocas

O Prémio Unicórnio Voador – um prémio feliz para actuações infelizes – é concedido pela Comcept às personalidades ou entidades que, durante o ano anterior, tenham contribuído para a disseminação da pseudociência, superstição e outras formas de desinformação em três categorias distintas:

Grafonola – Para os meios de comunicação e os seus agentes (impressa, rádio, televisão, blogosfera).
Estrela cadente – Para as estrelas de televisão e do mundo artístico, desportivo ou social.
O Rei Vai Nu – Para todos os outros que façam ou contribuam para a propagação de alegações duvidosas sem provas ou contra elas.

A selecção dos premiados ocorreu em duas fases, uma de nomeação e outra de votação, um processo que contou com a preciosa ajuda dos internautas. A revelação dos resultados no dia 1 de Abril, Dia das Mentiras, prende-se não só com a carga humorística do prémio, mas também, com o seu objectivo mais sério e profundo – que é o de estimular a reflexão sobre a prevalência e influência da pseudociência, da superstição e da desinformação na nossa sociedade.

Os vencedores do ano de 2014 para cada categoria são:

Grafonola – RTP1 – Pelo espaço que o Telejornal ofereceu à pseudociência com as reportagens “Acreditar”. Uma autêntica vitrina em horário nobre para, entre outras coisas, diagnósticos médicos por medição de palmos de roupa, curas para o cancro com raízes e previsões da data da morte pela “física quântica”. Ao todo, foram 34 minutos e 39 segundos de publicidade a produtos e serviços milagrosos que não foram acompanhados de qualquer análise crítica.

Estrela Cadente – Gustavo Santos  Esperar é a coisa mais ridícula que um ser humano pode fazer. Mas esperar não quer dizer aguardar, esperar vem na verdade de “espe-r-ar”, que quer dizer “espetar” ou “atirar” postas de pescada ao “ar”, uma habilidade essencial para entrar no negócio da auto-ajuda e do coaching. Mas será que também é essencial culpabilizar as vítimas de violação, violência doméstica e ataques terroristas?

O Rei Vai Nu – Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa – Que aproveitou a lei das terapias não-convencionais para lançar um “curso avançado em medicamentos homeopáticos”. Não sabemos a diferença entre o curso avançado e o curso básico, mas gostaríamos de imaginar que, no avançado, os farmacêuticos são recomendados a não dispensar qualquer medicamento homeopático sem antes explicar que são só água e açúcar.

5 Responstas a “Prémio Unicórnio Voador 2014

  • Gostaria de sugerir aquele programa da SIC directo de manha duma tal ‘doutora’ Helena que le as cartas do taro e oferece magic spells para se proteger de bruxarias e do mau olhado. E uma vergonha que estes programas passem na TV.

    • Olá Anabela, a SIC foi a votação por esse programa mas ficou pelo 2º lugar. Mas pode voltar a sugerir quando as nomeações para o Prémio Unicórnio Voador 2015 abrirem, que em princípio será hoje ou amanhã.

  • Mas não há lista de nomeações? Assim é que era: dar visibilidade (risibilidade) a essas patetices todas.

Trackbacks & Pings

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

%d bloggers like this: