Votação para o Prémio Unicórnio Voador 2013

O Unicórnio Voador. Crédito: Cláudia Barrocas

O Unicórnio Voador. Crédito: Cláudia Barrocas

Está aberta a votação nos nomeados que foram apurados na primeira fase do Prémio Unicórnio Voador 2013. É agora possível votar nos nomeados de cada categoria até ao dia 29 de Março e os vencedores serão revelados no dia 1 de Abril.

O ano de 2013 foi um ano recheado de eventos memoráveis. Para começar, a nossa sociedade, contra todas as expectativas, sobreviveu a mais um ano de casamentos homossexuais, abortos e divórcios. Jovens empreendedores e talentosos bateram o punho e decidiram diversificar os seus negócios no fabuloso mundo da Internet. O turismo teve um crescimento notável agora que Portugal tem quase tantas pirâmides quanto o Egipto. Especialistas anónimos e bem-intencionados (suspeita-se do guarda-costas reptiliano do Obama) despenderam do seu tempo para fazer posts no Facebook onde nos explicaram como poupar combustível. Apesar de a ciência estar em crise, ficámos todos mais satisfeitos por saber da refundação da astrologia em Portugal e, numa tentativa de inverter a situação, os nossos governantes explicaram aos cientistas o que eles têm andado a fazer de errado durante os últimos três séculos.

Foi difícil seleccionar os melhores candidatos entre os nomeados e será ainda mais difícil escolher os vencedores, mas é por isso que contamos com a ajuda dos nossos leitores. Já a categoria Estrela Cadente possui este ano menos candidatos, estarão as nossas celebridades mais informadas ou será apenas sinal que os cépticos lêem poucas revistas cor-de-rosa? A Comcept agradece desde já a participação de todos e só nos resta esperar que ganhe o melhor dos piores.

Grafonola

Portugal Mundial

O site Portugal Mundial, com mais de 19 mil fãs no Facebook, defende no seu manifesto uma “aproximação quântica à informação”. Não sabemos exactamente o que isso quer dizer, mas suspeitamos que tenha a ver com a função de onda do “dharma informativo” colapsar em disparate quando um observador mais atento abre o site. A maioria dos artigos são reciclados a partir de sites estrangeiros cuja qualidade da informação é no mínimo duvidosa. E até as histórias mais inócuas, como o facto de o mapa-mundo não ser uma representação fiel das proporções dos continentes, são prontamente inseridas numa narrativa conspiratória, quando na verdade, isto será segredo apenas para quem dormiu nas aulas de geografia. Já aqui analisamos algumas das alegações presentes em artigos anti-vacinação.

RTP

O ano de 2013 foi realmente fenomenal que diz respeito à pseudoarqueologia e tal não seria possível sem a preciosa ajuda dos media. Um velejador diz ter detectado uma pirâmide submersa nos Açores (para juntar às que já “existiam” em terra). A prova? Uma imagem de sonar que pode ser qualquer coisa desde uma formação natural até um artefacto do próprio equipamento. As perguntas de como, quando e quem construiu a pirâmide esfumaram-se perante a excitante possibilidade da descoberta da mítica Atlântida e, rapidamente, a possibilidade passou a facto estabelecido com direito a publicidade na RTP. Será pedir muito que os jornalistas façam as perguntas certas? Mais sobre este assunto aqui e aqui.

SIC

O programa da SIC “A Vida nas Cartas – O Dilema”, actualmente apresentado por Maria Helena, é o descendente directo do programa “Cartas da Maya” que ganhou o Unicórnio Voador de 2012 na categoria Grafonola. A SIC parece ter descoberto o pote de ouro das audiências e chamadas de valor acrescentado, mas qual será o custo? Quantos telespectadores levarão demasiado a sério aquilo que deveria ser considerado apenas um entretenimento? A apresentadora pelo menos não sente qualquer dilema em oferecer todo o género de conselhos de vida, incluindo até de saúde, com a autoridade bastante dúbia das cartas de tarot.

Tugaleaks

O Tugaleaks é um portal de notícias que tem como objectivo oferecer aos internautas informação isenta e correcta sob o mote “pela verdade da informação”. Infelizmente às vezes parecem existir descuidos como já falamos aqui e aqui. Não só Tugaleaks propagou uma história falsa de um jornal satírico sobre Edward Snowden, como ainda deu tempo de antena e credibilidade a um grupo de pessoas que, sem quaisquer provas convincentes, alega que existe uma conspiração mundial para nos envenenar a todos ou, pior ainda, imagine-se só, acabar com o aquecimento global! O Tugaleaks acabou por reconhecer a informação incorrecta sobre Edward Snowden e eliminou essa parte do artigo, nós achamos que, “pela verdade da informação” o melhor era mesmo apagar tudo e começar de novo com uma investigação mais profunda.

Visão e Jornal i

Se há forma mais rápida de perder a credibilidade, essa forma será certamente citar o site NaturalNews como fonte noticiosa. E, no entanto, jornalistas tanto da Visão como do Jornal i reproduziram a teoria absurda de que Angelina Jolie fez uma mastectomia não por motivos de saúde mas com fins publicitários. O site NaturalNews, mantido por Mike Adams, é uma das principais fontes actuais de desinformação médica e teorias da conspiração na Internet, um site cujo único propósito é servir de sustentação teórica ao negócio bastante lucrativo de venda de curas naturais e milagrosas que “eles” não querem que nós saibamos.


Estrela Cadente

Fátima Lopes

Vencedora do Unicórnio Voador 2012 para a mesma categoria, Fátima Lopes parece ser uma escolha de eleição para os nossos leitores. A promoção quase diária de todo o tipo de pseudociência e superstição no seu programa “A Tarde É Sua” parece não ter sofrido qualquer alteração. É claro que nenhum dos talk shows portugueses está livre desse “pecado”, mas o programa de Fátima Lopes parece ser especialmente ambicioso no que a isso diz respeito.

Maria Helena

Maria Helena é a vedeta do programa da SIC “A Vida nas Cartas – O Dilema”, também nomeado na categoria de Grafonola. As razões, como é óbvio, são as mesmas. Se não ganhar o Unicórnio Voador, poderá sempre inscrever-se no desafio paranormal de 1 milhão de dólares da Fundação Educacional James Randi que permanece por reclamar há 50 anos, o dinheiro podia facilmente ser doado a uma instituição de caridade e seria uma oportunidade única para demonstrar que os cépticos estão errados.

Roberto Leal

Roberto Leal, outro repetente nomeado para o Unicórnio Voador em 2012, continua a emprestar a sua imagem a um suplemento alimentar que promete impedir o envelhecimento e doenças associadas através de mecanismos vagos como o “reforço do sistema imunitário”. É-nos dito que esta extraordinária capacidade se deve a antioxidantes que o produto alegadamente contém, mas na falta de estudos científicos fornecidos pelo fabricante, decidimos nós procurar a investigação mais recente sobre antioxidantes e os resultados, avisamos já, podem surpreender.

A equipa das manhãs na rádio Comercial

Nomeados por darem voz à publicidade do medicamento homeopático Oscillococcinum ou, como diria a química Palmira Silva, o açúcar a 1700 euros o quilo. Um medicamento antigripal inteiramente legal à luz da lei portuguesa, mas completamente inacreditável à luz da ciência. Se um extracto de fígado e coração de pato parece ser um tratamento estranho para a gripe, ainda mais estranho se torna quando este é diluído até à não existência de 200C, isto é, uma diluição de 1 parte de extracto para 10400 partes de solvente, ou seja, 1 para 10 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000 000.  Será esta apenas mais uma forma de trazer humor às nossas manhãs?


O Rei Vai Nu

A Assembleia da República Portuguesa

Há leis que nos fazem questionar em que estariam a pensar os nossos representantes e, em 2013, aprovou-se mais uma que primou pela sua peculiar dissonância – a Lei n.º 71/2013 que regula o acesso às profissões das terapêuticas não convencionais e o seu exercício, exige que “os profissionais das terapêuticas não convencionais não podem alegar falsamente que os atos que praticam são capazes de curar doenças, disfunções e malformações” e, ao mesmo tempo, reconhece a “autonomia técnica e deontológica no exercício profissional” de terapêuticas para as quais não existem provas científicas de qualidade que suportem uma boa parte das alegações de saúde produzidas. Resta-nos esperar pela lei que regula a actividade dos videntes e que ao mesmo tempo os proíbe de alegar falsamente que conseguem prever o futuro.

Luís Portela

No livro “Ser Espiritual”, Luís Portela parece estar convencido de que existem fenómenos paranormais e que a única razão pela qual não foram ainda provados cientificamente é que a ciência, a mesma ferramenta que permite à Bial criar medicamentos inovadores que enchem Portugal de orgulho, aparentemente não funciona bem quando aplicada a estes assuntos, sendo portanto esta que tem de se adaptar e não o contrário. É claro que existe uma outra possibilidade que Luís Portela parece recusar-se sequer equacionar – os fenómenos em que acredita e que falham continuamente em ser demonstrados, podem afinal ter explicações bem mais prosaicas. Está disponível na Comcept uma crítica mais completa do livro “Ser Espiritual” pela mão de António Piedade.

Ministério Agricultura e do Mar, Direcção Geral do Consumidor e ASAE

Estão todos os dias na televisão, rádio, jornais e revistas. Estão à venda nas farmácias, supermercados e Internet e fazem todo o género de alegações de saúde para as quais não existem provas científicas credíveis – é este o estado do mercado de suplementos alimentares, um estado a que se chegou devido à complacência e inacção das entidades que deveriam ser as responsáveis pela aplicação da lei, protecção dos consumidores e da concorrência leal entre produtores e importadores deste tipo de produtos. Este foi de resto um assunto já abordado aqui na Comcept.

Homeopata Carvalho Neto

Há mais de 70 anos que os físicos utilizam complexos e dispendiosos aceleradores de partículas para conseguirem criar novos elementos, ignorando que, na realidade, apenas precisavam de aquecer comida no microondas. Esta é apenas uma de várias revelações que o homeopata “Prof. Carvalho Neto” partilhou connosco num vídeo do YouTube e nem sequer é a mais bombástica, já que ficamos também a saber que o sal é o real causador do Alzheimer, Parkinson e Esclerose Múltipla. Infelizmente, suspeitamos que todas estas descobertas inovadoras estarão condenadas ao esquecimento – Carvalho Neto terá de se juntar à longa fila de homeopatas que ainda só não receberam um triplo prémio Nobel da Medicina, Física e Química devido a uma conspiração científica global. Mas será que recebe um Unicórnio Voador?

Padre Duarte Sousa Lara

Existe um conflito silencioso a acontecer neste preciso momento, um conflito que faz a situação na Ucrânia ou Síria parecer uma brincadeira de crianças – a destruição da obra de Deus pelo Diabo. O padre da diocese de Lamego afirma que precisamos de mais exorcistas e se esta é uma reclamação que à primeira vista parece ser um pouco medieval, ela tem até uma justificação bastante razoável já que, segundo o sacerdote de 37 anos, existe um incremento de distúrbios espirituais devido a “práticas de bruxaria, feitiçaria, ciências do oculto, rituais satânicos e coisas desse género […] coisas que agora estão muito na moda, como o yoga, o reiki ou outras formas de exercício espiritual, são caminhos facilmente percorridos pelo demónio. É preciso ter muito cuidado com essas coisas”. Nós também achamos que é preciso cuidado com coisas desse género, só que por razões muito diferentes que também englobam o exorcismo.


7 Responstas a “Votação para o Prémio Unicórnio Voador 2013

Trackbacks & Pings

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

%d bloggers like this: